Andrea Dovizioso vence a primeira corrida do ano da MotoGP 2018

//Andrea Dovizioso vence a primeira corrida do ano da MotoGP 2018

Dovizioso em sua Ducati conseguiu superar Marc Márquez por menos de 3 centésimos de segundo, depois de ser ultrapassado na última curva e dar troco de forma sensacional.

A temporada 2018 da MotoGP parece uma continuação do que aconteceu ano passado. Campeão e vice de 2017 foram os protagonistas de uma corrida cheia de emoção e decidida no último momento, depois da última curva por uma diferença de 27 centésimos de segundo de um para outro.

As posições se inverteram: o campeão de 2017 Márquez ficou em segundo, enquanto o vice Andrea Dovizioso, que fez uma corrida brilhante, de recuperação, conseguiu a vitória. Valentino Rossi, mais uma vez apareceu muito bem e ficou com o terceiro lugar.

Em nenhum momento Rossi chegou a liderar, mas já havia deixado Marc Márquez para trás. Mas o terceiro lugar mostrou que o italiano continua em forma e que mesmo correndo por fora, vai atrás do décimo título. Ele tem mais dois anos acertados com a Yamaha (pelo menos) para isso.

Aparentemente o motor Yamaha deixou a desejar no final da corrida. O Francês Johann Zarco, da equipe Monster Tech3 (que corre com motor Yamaha), no dia anterior chegou a quebrar o recorde da pista, saiu na pole e liderou quase todo o GP, viu o rendimento de sua moto cair assustadoramente. Basta dizer que cinco voltas antes do fim ele era líder absoluto.

Outra Yamaha que não apareceu foi a de Maverick Vinales. O espanhol visivelmente teve problemas nessa primeira apresentação.

E se o assunto são os companheiros de equipe, Jorge Lorenzo, companheiro de Dovizioso na Ducati, também não teve um bom fim de semana. Caiu e não chegou a terminar o Grande Prêmio.

Brasil no MotoGP

Franco Morbidelli que tem a simpatia de parte da torcida brasileira, pela forma clara de como ele evidencia seu “lado” brasileiro, não chegou a fazer uma corrida brilhante como dominava ano passado na Moto2, mas foi extremamente regular.

Franco Morbidelli – Foto: Facebook pessoal

Acabou em décimo segundo, à frente de nomes conhecidos como Bradley Smith, Aleix Espargaro, Alvaro Bautista e até Jorge Lorenzo que nem conseguiu terminar.

Eric Granado, na Moto2 teve vários problemas com sua moto desde o início dos treinos no Catar. Problemas que não foram resolvidos e pioraram na corrida, já que além do motor, o assento se soltou. Granado terminou em 30º. Mesma posição que largou.

Eric Granado – Foto: Mirco Lazzari

Segundo comunicado oficial de sua assessoria, a primeira etapa será uma etapa a ser esquecida por Eric, que já discute com a equipe como resolver todos os problemas acontecidos no Catar.

Agora é pensar no próximo grande prêmio na Argentina. Trabalhar tudo o que deu errado, para ter um bom resultado na próxima etapa.“, comenta esperançoso Eric.

A MotoGP segue para a Argentina dia 8 de Abril, no Circuito de Termas de Río Hondo.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: