Na calma do acampamento em Arequipa, no Peru, um merecido descanso neste sábado (12). A pausa após metade do Rally Dakar ser concluído se divide entre massagens para os pilotos e trabalho duro para mecânicos, preparando as motos para a fase final da competição.

Equipe Honda se prepara para o final do Rally Dakar 2019

O esperado dia de descanso em Arequipa durou até as 17h deste sábado, horário no qual a caravana do Dakar teve de se deslocar até Camaná, a 175 km, de onde partiram na manhã deste domingo (13) para a sexta etapa da competição. Na verdade, mais do que um verdadeiro descanso, o sábado representou uma pausa para preparar adequadamente a fase final do Dakar, levando em conta os aspectos físicos e técnicos. Entre massagens e revisão do roteiro e do equipamento, o objetivo dos pilotos e suas equipes foi alcançar a melhor preparação possível para a semana que virá.

O Monster Energy Honda Team vive um clima positivo, não só por causa da liderança de Ricky Brabec como pela justiça feita a Nacho Cornejo, que na etapa de sexta-feira (11) parou durante o trecho cronometrado para socorrer seu companheiro Paulo Gonçalves, acidentado. Nacho aguardou a chegada do helicóptero de socorro ao lado do colega e, consequentemente, perdeu tempo precioso para fins de classificação. Usualmente a organização do Dakar desconta o tempo dedicado ao socorro de acidentados do tempo do piloto que socorre, o que não foi considerado na divulgação dos resultados da quinta etapa. Porém, na manhã do dia de descanso, a classificação da etapa foi corrigida e Nacho subiu da 17ª para a segunda posição na etapa, 2’25 atrás do vencedor. Tal ajuste fez o piloto chileno galgar uma posição na classificação geral do Dakar, ocupando agora a 14º colocação, com menos de uma hora de retardo em relação ao líder Ricky Brabec.

Na etapa deste domingo, os pilotos partiram do acampamento de Camaná para percorrer um total de 839 km – 317 km dos quais em trecho cronometrado, que os levará novamente a San Juan de Marcona.

Equipe Honda se prepara para o final do Rally Dakar 2019

Ricky Brabec (1º lugar na classificação geral das motos)
“O dia de descanso é sempre bom para recuperar forças. Sou líder do Dakar, um dos poucos norte-americanos a ter conseguido isso – no passado Robby Gordon e Danny Laporte ocuparam esta posição. Isto é honroso e me deixa muito orgulhoso. A luta pela vitória será entre muitos pilotos, e com o passar dos dias o duelo ficará cada vez mais acirrado. Eu e Kevin estamos entre os candidatos a vencer e mesmo sendo companheiros no Monster Energy Honda Team a conquista final exigirá uma boa batalha entre nós até a linha de chegada.”

DAKAR 2019
12 de janeiro de 2019 – sábado
CLASSIFICAÇÃO GERAL APÓS A 5ª ETAPA

1 – BRABEC Ricky – #15 – EUA – Monster Energy Honda Team – Honda – 16h51”34
2 – SUNDERLAND Sam – #14 – GBR – Red Bull KTM Rally Factory Team – KTM – +00’59
3 – QUINTANILLA Pablo – #6 – CHI – Rockstar Energy Husqvarna Factory – Husqvarna – +02’52
4 – PRICE Toby – #3 – AUS – Red Bull KTM Rally Factory Team – KTM – +03’21
5 – VAN BEVEREN Adrien – #4 – FRA – Yamalube Yamaha Official Rally Team – Yamaha – +06’36
6 – BENAVIDES Kevin – #47 – ARG – Monster Energy Honda Team – Honda – +09’01
7 – WALKNER Matthias – #1 – AUT – Red Bull KTM Rally Factory Team – KTM – +09’17
8 – DE SOULTRAIT Xavier – #18 – FRA – Yamalube Yamaha Official Rally Team – Yamaha – +18’37
9 – SVITKO Stefan – #11 – SLO – Slovnaft Team KTM – +26’28
10 – SHORT Andrew – #29 – EUA – Rockstar Energy Husqvarna Factory – Husqvarna – +27’54
14 – CORNEJO José – #10 – CHI – Monster Energy Honda Team – Honda – +51’59.

Deixe uma resposta