MotoGP: emoções embaixo d’água no Grande Prêmio do Japão

/, Motovelocidade/MotoGP: emoções embaixo d’água no Grande Prêmio do Japão
Pódio no GP do Japão: Dovizioso, Márquez e Petrucci

Pódio no GP do Japão: Dovizioso, Márquez e Petrucci – Foto: MotoGP

Para quem acha que as corridas de motos na chuva são meio “sem graça” porque os pilotos não querem se arriscar, pode mudar o conceito depois da MotoGP do Japão. Quem esperou até de madrugada foi recompensado com uma corrida decidida somente na última curva!

E deu Andrea Dovizioso. Foi com emoção, foi na última curva da última volta. Mas para quem gosta de ultrapassagens quase impossíveis e improváveis pôde se esbaldar! Dovizioso está fazendo possivelmente seu melhor ano de MotoGP na Ducati. Coincidindo curiosamente com a saída do seu compatriota e “xará” Andrea Ianonne e chegada de Jorge Lorenzo.
Não se sabe se a causa da evolução foi mesmo esse troca-troca de equipes e pilotos no início do ano. Dizem que ele chegou a fazer terapia. Enfim, deixando de lado as causas, a consequência estamos vendo corrida após corrida. Por mais que na anterior ele não esteve bem, nessa ele foi espetacular. Dizem que é calculista, mas não se sabe se dessa vez teve como calcular qualquer coisa que fosse!
Sobrou para Marc Márquez que quase não acreditou quando a Ducati deu o último troco e saiu para a bandeirada. Por mais que o cumprimento entre os dois (Márquez e Dovi) tivesse sido com um abraço, com certeza a ficha de Márquez demorou a cair.

Andrea Dovizioso disputa a chegada com Márquez no GP do Japão

Andrea Dovizioso disputa a chegada com Márquez no GP do Japão – Foto: MotoGP

Danilo Petruci que também corre com uma Ducati, mas na equipe satélite Pramac Ducati, completou o pódio. A chuva no início chegou a favorecê-lo, já que largou na pole. Parecia inclusive que iria deslanchar e abrir em relação a todos, mas depois de mais ou menos 10 voltas não conseguiu manter a posição.
Menção honrosa para Jorge Lorenzo. O piloto espanhol que todos imaginam não gostar de correr na chuva teve um início de corrida muito bom. Foi perdendo força e posições no decorrer, mas chegou a completar em sexto.
Valentino Rossi deixou a corrida depois de uma queda, quando estava em 9º ainda faltando 19 voltas para fim. Um final de semana para Yamaha esquecer. Viñales, companheiro de Rossi também fez uma corrida no mínimo “apagada”. Terminou em nono.
Com o resultado do Grande Prêmio de Motegi, Marc Márquez continua como o líder do campeonato, mas com uma diferença de apenas 11 pontos para Andrea Dovizioso. Maverick Viñales em terceiro, Dani Pedrosa e Valentino Rossi na sequência.
A próxima corrida está marcada para 22 de outubro, na Austrália.

O vencedor do MotoGP, Andrea Dovizioso comemora com a equipe (AP Photo / Shizuo Kambayashi)

O vencedor do MotoGP, Andrea Dovizioso comemora com a equipe (AP Photo / Shizuo Kambayashi)

Resultado Final (10 primeiros) – Motegi – MotoGP:

1)Andrea Dovizioso (Ducati)
2)Marc Marquez (Honda)
3)Danilo Petrucci (Pramac Ducati)
4)Andrea Iannone (Suzuki)
5)Alex Rins (Suzuki)
6)Jorge Lorenzo (Ducati)
7)Aleix Espargaro (Aprilia)
8)Johann Zarco (Tech3 Yamaha)
9)Maverick Vinales (Yamaha)
10)Loris Baz (Avintia Ducati)

 

2017-10-15T17:53:12+00:00 15 outubro - 2017|Tags: , , , |

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: