O que leva uma pessoa a ser apaixonada por moto

//O que leva uma pessoa a ser apaixonada por moto

Distinguished Gentleman's Ride

Há quem diga que a paixão por carros e motores é passada de geração para geração. E, se realmente as coisas funcionam dessa forma, há famílias que estão ligadas às máquinas de quatro rodas para sempre. O mesmo vale para as motos, que também despertam admiração e devoção por parte de vários aficionados pelos itens velozes e belos.

Mas o que, de fato, leva alguém a ser completamente fascinado por motos? Bem, nós temos algumas teorias que podem ajudar a explicar esse amor pelas máquinas de duas rodas. Confira!

Liberdade: por mais conforto e opcionais que um carro possa oferecer, ele ainda confina seus passageiros a um espaço limitado. Mesmo que isso não seja algo necessariamente ruim, as motos, por outro lado, oferecem uma liberdade maior para quem as pilota, permitindo mais mobilidade e contato com as áreas externas. Quem é dono de moto, sempre aponta a condução ao ar livre como uma das sensações de liberdade mais satisfatórias. E quem não gosta de se sentir livre, não é mesmo?

Velocidade: outro ponto interessante para quem pilota motos é o fator velocidade. Por ser bem menor do que um carro, a moto apresenta mais leveza e, por consequência, atinge grandes velocidades em curtos períodos de tempo (uma vez que também suporta motores de alto desempenho e potência, dependendo do modelo da motocicleta). Há modelos, por exemplo, que ultrapassam as 1.000 cilindradas e oferecem grande desempenho tanto em estradas quanto nas cidades. Além disso, é um veículo de fácil manuseio, mas que deve ser usado sempre com responsabilidade.

BMW S 1000 R

Contato com a natureza: observar e sentir a natureza são algumas das melhores partes de qualquer passeio. Com a moto, esses quesitos ganham ainda mais vida, uma vez que o transporte permite olhar ainda mais de perto e com mais clareza todas as belezas naturais do caminho. Também ajuda a senti-las com mais eficácia. O sol e o vento batendo na pele, por exemplo, são realidades para quem opta pelas máquinas de duas rodas.

Personalidade: outra coisa que os apaixonados por motos costumam dizer para justificar o amor pelos itens é que elas conferem personalidade para quem as pilota. Os veículos, além de estilosos e bonitos, levam seus adeptos a adquirir um visual próprio, com roupas especiais e uma forma singular de pilotar. O que contribui para a construção de uma personalidade igualmente única, com características fortes e marcantes.

A customização também acompanha a personalidade do motociclista

Acessibilidade: as motos (com exceção das mais pesadas) são de fácil manuseio e muitas delas apresentam preços mais acessíveis se comparadas aos carros. Se você está começando a dar vida a sua paixão por motos, indicamos iniciar sua caminhada com um modelo mais leve (motos usadas podem ser uma opção) e ir evoluindo aos poucos para modelos mais potentes e pesados. Enfim, qualquer um com o treinamento devido (e carteira adequada, claro) pode aproveitar a liberdade que pilotar uma moto provem.

São esses e outros tópicos que integram boa parte da paixão dos aficionados por motos. Além dos ensinamentos passados de geração para geração, como já citamos. E, se você é um desses amantes motociclistas, mas está começado apenas agora a dar vida a este prazer, nós temos algumas dicas para compartilhar.

Com qual modelo de moto começar?

Assim como tudo na vida, todo início de um processo deve ser realizado com cautela. O mesmo vale para as motos. Por isso, nossa dica é que você comece com modelos mais básicos, mas seguros e com bom desempenho. Um dos modelos mais conhecidos e indicados é a Honda CG, que foi criada em 1976, e que apresenta três versões diferentes: CG125, CG150 e CG160. A primeira é uma das melhores para iniciar, pois, apesar de não apresentar grande potência, é segura, econômica e apresenta boa performance para os parâmetros que oferece.

Linha CG 2018 - Sistema de freios CBS em todos os modelos

Linha CG 2018 – Sistema de freios CBS em todos os modelos

Depois de adquirir mais segurança sobre as duas rodas, é hora de avançar para máquinas mais encorpadas, caso deseje. Se esse for o caso, uma ótima alternativa é a Honda CBR, que apresenta cerca de 18 versões diferentes. Esse modelo é consideravelmente mais caro do que sua colega CG, porém, oferece um design mais arrojado e moderno, mais cilindradas e apetrechos que melhoram sua performance.

CBR1000RR Fireblade - A Moto do Ano 2017

CBR1000RR Fireblade – A Moto do Ano 2017

Para ter uma noção maior entre essa evolução entre os modelos, a diferença de preço entre a Honda CG e Honda CBR varia entre R$50.000 e R$60.000. Porém, enquanto a CBR detém algo próximo a 1.000 cilindradas, motor com 4 cilindros, partida elétrica e design diferenciado, a CG oferece perto de 125 cilindradas, além de motor e design mais modestos. Entretanto, ambos os modelos são igualmente confiáveis, seguros e práticos. O que torna a Honda uma das líderes no segmento de motos não apenas no mercado brasileiro, mas em todo o mundo.

Responsabilidade em primeiro lugar

Se você perguntar a qualquer motociclista experiente, ele lhe dirá que, antes de pensar em estrada, velocidade ou liberdade, é preciso pensar em segurança e responsabilidade. Apesar do fácil manuseio, uma moto não é um brinquedo e jamais pode ser encarada dessa forma. Por isso, ao exercer a paixão pelas máquinas, mantenha em mente algumas ações, como não abusar da velocidade em vias com limites de velocidade, não ultrapassar em locais proibidos e não se colocar em meio a brechas apertadas apenas porque a moto é menor. Pilote com responsabilidade e não coloque você, seu veículo ou os demais em risco.

Kawasaki Versys X 300

Para completar, quem pilota motos precisa de cuidados especiais imprescindíveis. Além de revisões especializadas nos veículos, os condutores precisam de equipamentos especiais, como roupas e capacetes, que além de prover segurança, protegem contra condições adversas de tempo e impurezas. Tais equipamentos podem ser encontrados em lojas especializadas para motociclistas e nem sempre são baratos. Por isso, separe um valor no orçamento para investir caso queira nutrir sua paixão com responsabilidade.

No mais, apenas aproveite e passe seu amor à frente. Procure por mais admiradores, junte-se, participe de clubes e eventos. Quanto mais pessoas para compartilhar da sua paixão, mais satisfatória ela fica!

2018-02-17T19:13:25+00:00 18 Fevereiro - 2018|Tags: , , |

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: