Yamaha comemora a liderança no Brasileiro de Motocross e no Rally Baja

/, Yamaha/Yamaha comemora a liderança no Brasileiro de Motocross e no Rally Baja

No Brasileiro de motocross, Campano vence na MX-1 e Tallys na MX-Jr. No Rally Baja, Rodrigo Khezam se isola na liderança da categoria Brasil.

O fim de semana foi memorável para a Yamaha nas competições de off-road. Na terceira etapa do Brasileiro de Motocross 2018, que aconteceu entre os dias 5 e 6 de maio, em Fama, Minas Gerais, os pilotos da equipe Yamaha Monster Energy Geração se saíram muito bem, com vitórias de Carlos Campano, Fabio Santos e Tallys Nathan em suas respectivas categorias.

Longe de Minas, mas no mesmo fim de semana, a Yamaha também dominou a 12ª edição do Rally Cuesta Off-Road, válido pela terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Rally-Baja, que teve como palco, a cidade de Botucatu, interior de São Paulo.

Campeonato Brasileiro de Motocross: Campano na ponta!

A bordo de sua YZ 450 F 2018, Carlos Campano venceu a primeira bateria da MX1 e ficou em terceiro na Elite MX. Com os resultados, Campano passa a 107 pontos e assume a liderança da classe MX1, da qual é o atual campeão brasileiro.

Foto: Maurício Haas

Segundo o piloto da Yamaha, “meu objetivo era chegar na próxima etapa liderando o campeonato, estou feliz por isso. Estamos saindo daqui com a liderança da MX1. A primeira bateria larguei entre os três, consegui me colocar na ponta. Briguei com Jetro e ganhei de boa, por isso estou feliz. Na segunda bateria (categoria Elite), me embolei na primeira curva, quase caí, no fim da primeira volta estava em sexto e vi que o Paulo Alberto e o Jetro Salazar já estavam abrindo vantagem. Para tentar alcança-los, tive que fazer muitas ultrapassagens, mas a pista estava muito rápida e fácil. Construí linhas para ultrapassar e consegui chegar em terceiro… Era arriscado forçar para chegar na ponta. O campeonato vai ser bem disputado até o final”.

Foto: Maurício Haas

Na MX2, Fabio Santos ganhou a primeira bateria e, com sua Yamaha YZ 250F, fez uma prova de recuperação na Elite MX para ficar com o segundo lugar na sua categoria, disputada por motos de 250cc.

Feliz com o resultado – que lhe garantiu a terceira colocação na classificação geral do campeonato –, Fabio declarou após a corrida: “fiz uma boa primeira bateria. Larguei bem, observei as linhas do Gustavo Pessoa, tive paciência e consegui a ultrapassagem na metade da corrida e saí com a vitória. Na segunda bateria (Elite MX), junto com as 450cc, saí bem, mas caí na segunda curva e tive que fazer corrida de recuperação, partindo da última colocação. Estou feliz com o desempenho, venho crescendo. Ganhar uma bateria é sempre importante para a sequência da competição”.

Já para Tallys Nathan, o fim de semana foi perfeito. O jovem piloto ganhou a bateria única da MX-Junior (motos de 250cc e pilotos com idade igual ou inferior a 18 anos). Com a vitória, Tallys –  que é o atual campeão brasileiro –, agora soma 70 pontos, assumindo a liderança do campeonato na MX-Junior.

Foto: Maurício Haas

O final de semana foi muito bom. Fiz uma boa largada na MX2-Junior, saí em primeiro e consegui liderar a prova toda. Fico feliz também porque assumi a liderança do campeonato. Vamos seguir trabalhando para conquistar o bi”, declarou Tallys após receber o troféu de vencedor da etapa em Fama, Minas Gerais.

Apesar da forte queda nos Estados Unidos, Jean Ramos fez seu primeiro contato com a pista e conseguiu um desempenho acima de suas expectativas nas baterias da MX1 e Elite MX.

Segundo Jean, “o fim de semana foi de retorno às pistas depois da concussão que sofri nos Estados Unidos. No sábado me senti horrível em cima da moto e no domingo de manhã quase abortei. Dei meu melhor dentro do possível. Agora vem o Arena e vamos com tudo para defender o título, em busca do tricampeonato”. Jean Ramos segue em quinto lugar na classificação geral da MX-1, com 82 pontos.

Campeonato Brasileiro de Rally Baja: Khezam e TT-R 230 isolados na liderança

Foto: DFotos/Gustavo Epifanio

Na 12ª edição do Rally Cuesta Off-Road, válido pela terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Rally-Baja, que aconteceu entre os dias 05 e 06 de maio na cidade de Botucatu, interior de São Paulo, a Yamaha novamente dominou a competição.

Nela, os pilotos da Yamaha Racing, Rodrigo Khezam (Yamaha Madia Motorsports), com a TT-R 230 e Ricardo Martins (Yamaha Geração), competindo de WR 450F, tiveram um ótimo desempenho que os levou a conquistar excelentes resultados em suas categorias.

Foto: DFotos/Gustavo Epifanio

Os competidores das categorias motos, carros e UTVs enfrentaram tipos de terreno variados, com caminhos repletos de lombadas e poeira, tudo com uma boa dose de calor. No total dos dois dias de prova, os pilotos da Yamaha percoreram 320 quilômetros de trilhas.

Na busca pelo tri-campeonato brasileiro na categoria Nacional com a TT-R 230, Rodrigo Khezam, piloto da Yamaha Racing/ Madia Motorsport/ ASW Racing /Foco Racing, já havia vencido as duas etapas anteriores, e nesta, em Botucatu, conquistou a segunda colocação.

Segundo Khezam, “Foi uma prova muito difícil por conta da extensão das etapas e dos perigos do roteiro. No sábado eu não consegui imprimir o ritmo necessário para vencer e terminei o dia em terceiro. No domingo eu larguei mais concentrado e disposto à recuperar o tempo perdido. Andei forte, arrisquei bastante e consegui avançar para segunda colocação na categoria e à décima na Geral”.

Com esse resultado, Khezam amplia sua liderança no campeonato na categoria Nacional, totalizando agora 142 pontos e mantendo o impressionante segundo lugar na classificação geral, à frente de motos maiores e mais potentes.

Já para o piloto Ricardo Martins (Yamaha Racing/Grupo Geração/Rinaldi), competindo com a poderosa Yamaha WR 450, o fim de semana foi perfeito. Nos dois dias de competição, Martins foi o mais rápido entre todas as categorias, obtendo a vitória absoluta na etapa.

Foto: DFotos/Gustavo Epifanio

“Faz algum tempo que estava fora das disputas da modalidade Baja e sempre é muito bom voltar ainda mais com uma vitória na geral. Estou muito feliz com o resultado como os meus concorrentes, eles também estão andando em um ritmo bem rápido. O meu objetivo aqui também era de realizar um bom treino, pois o foco este ano é o rally cross country”, declarou, ainda tomado pela alegria da vitória, o piloto da equipe Yamaha/Rinaldi Rally Team.

A próxima etapa do Campeonato Brasileiro de Rally-Baja será o Rally de Inverno, em São Manuel – SP, entre os dias 20 e 22 de julho.

Informações: Imprensa Yamaha 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: